Prefeito de Guarapari terá que depor na Câmara



O prefeito de Guarapari, Antonio Gottardo (PHS) será novamente notificado para prestar depoimento na CP – Comissão Processante – que apura irregularidades em sua administração.  


 


O depoimento estava marcado para segunda feira, dia 1º, às 8 horas, na Câmara Municipal, porém, através de oficio, alegou ter Fórum Privilegiado e marcou a próxima terça feira, dia 7, às 10 horas, na sede da Fipag - Faculdades Integradas Padre Anchieta.


 


A CP decidiu fazer uma nova convocaç






Sergio Passos

ão para o dia 16 de junho próximo às 10 horas. O presidente da CP – vereador Sergio Ribeiro Passos - PMDB - (foto) disse que o entendimento da comissão é que o prefeito não tem o fórum privilegiado, no caso em tela. Por está razão decidiram marcar uma nova data.


 A decisão, segundo Passos esta embasada em parecer dado pela Procuradoria da Câmara Municipal e aprovada pelos demais membros da CP, o vereadores Ricardo Conde, relator e Benigno Maioli, membro. A convocação para o novo depoimento do prefeito Antonio Gottardo deverá ser feita, hoje – dia 3 de junho.


Entenda o caso:


 


A CPI foi instalada em face das denúncias formuladas pelo presidente da Associação de Moradores e Movimento Populares de Guarapari, Izaqueu da Conceição; a presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Órgãos e Empresas Públicas Municipais de Guarapari, Ivete da Silva Almeida Loss o presidente do Partido Social Cristão, Laudir Cordeiro dos Santos.


 


A denuncia tem 25 páginas e, diversos de documentos extraídos de uma denuncia do Ministério Público do Trabalho Federal. Nesse o juiz Lino Peterlinkar bloqueou, liminarmente, bens e valores do prefeito Antonio Gottardo, secretário de Saúde, Cláudio Gianordoli e outros para garantir o ressarcimento pelos prejuízos que causaram ao município no valor R$1, 4 milhão.


Outras irregularidades são os desaparecimentos de materiais e peças de dentro do almoxarifado central da Prefeitura de Guarapari. Entre os objetos estão um compressor novo da Secretaria de Saúde, estimado em R$2.500,00, aparelhos de ar condicionados e o sucateamento de veículos, máquinas pesadas e outros equipamentos de significado valor.


 


A denúncias de irregularidades vinham sendo denunciadas desde de 2004 e que nenhuma providencia tem sido tomada. O prefeito vem deixando computadores, aparelhos de ares-condicionados, carteiras escolares e entre outras objetos não estão sendo cadastrado no setor de controle patrimônio da prefeitura.


 


Os denunciantes relatam que foram encontradas varias irregularidades no âmbito da saúde, as quais culminaram com uma Ação Civil Pública por Atos de Improbidade Administrativa ajuizada em novembro do ano passado, em conseqüência das praticas ilícitas devido à sub-contratação da Sociedade Espírito Santense de Diágnostico e Emergência S/C Ltda. Para prestação no Pronto Atendimento Médico, na Praia do Morro. Posteriormente ao contrato, outra empresa a Soedes – Sociedade Espírito Santense de Emergências formada por 23 sócios que eram trabalhadores que prestam serviço ao PA.


 


A omissão do controle de prestação de serviço por parte do prefeito e dos agentes públicos, José Augusto Ferreira Carvalho, Francisco Normando e Cláudio Teixeira Gianordoli, resultou num prejuízo, pois permitiu que os sócios da empresa se apropriassem de verbas publica. Usaram inclusive certidões falsas federais falsas para receberem pagamentos da prefeitura.


O total de recursos empenhado em favor da Soede, R$1.461.929,00 revela ainda que fora deixado de recolher a importância de R$160.812,19 em contribuições sociais.


 


 


 


 


 


 


 

Data de Publicação: sábado, 01 de janeiro de 2000

ACOMPANHE A CÂMARA

Sede:
Av. Getúlio Vargas, n° 299 - Centro - Guarapari/ES
CEP: 29200180


Telefone: (27) 3361-1715
E-mail: ouvidoria@cmg.es.gov.br

Horário das Sessões:
Terças-feiras alternadas às 15h
Todas as quintas-feiras às 15h


Funcionamento:
Segunda a sexta-feira, das 08h00 às 18h00

Anexo:
Rua Emília Trindade da Silva, 149, Itapebussu
Guarapari - ES CEP: 29.210-010


Telefones: (27) 3261-3414



Atendimento ao público:
Segunda a sexta-feira, das 12h às 18h