Presidente da Câmara coloca em pauta o empréstimo de  R$ 45 milhões e o parecer que pede a Cassação do vereador Dito Xaréu

Presidente da Câmara coloca em pauta o empréstimo de  R$ 45 milhões e o parecer que pede a Cassação do vereador Dito Xaréu

Na sessão ordinária desta quinta-feira (14), os vereadores terão que tomar duas importantes decisões, o empréstimo de R$ 45 milhões e a  cassação ou não do vereador Dito Xaréu (SDD).

O empréstimo está previsto no Projeto de Lei nº 172/2019, que autoriza o Executivo a contratar um empréstimo de R$ 45 milhões com a Caixa Econômica Federal para realizar obras de infraestrutura como a pavimentação asfáltica e drenagem de ruas do município. 

O presidente da Câmara Municipal de Guarapari, vereador Enis Gordin (PRB), explicou que o projeto causou polêmica entre os parlamentares e por isso, decidiu colocá-lo o quanto antes em pauta. "Coloquei o pedido de empréstimo para apreciação dos nobres pares. Cada vereador vai apreciar a matéria e votar segundo o que for melhor para o eleitor que ele representa", afirmou Enis.

A votação da possível cassação do vereador Dito Xaréu (SDD) foi decidia pela Comissão Processante (CP), que investigou o caso e emitiu relatório favorável, sendo assim a matéria vai para jugalmento em plenário. “Quanto ao processo do Dito, resolvi levar logo ao Plenário em razão do fim de ano que se aproxima e por causa do término dos trabalhos da CP, especialmente, em respeito ao trabalho da Comissão que se empenhou muito nessa tarefa”, explicou o presidente. 

Segundo o diretor da Câmara, Ricardo Rios, o rito para a sessão de julgamento já está definido no Regimento Interno. "Não há nenhuma dificuldade quanto ao rito. O Regimento traz um tempo para a leitura do processo, outro para cada vereador e o tempo da defesa." 

Findada esta etapa o relatório aprovado pela Comissão será levado a votação, onde cada vereador, nominalmente, proferirá seu voto. Ainda de acordo com o diretor são  necessários 12 votos para a cassação do mandato do vereador. "Para afastar definitivamente o parlamentar do seu mandato são necessários 12 votos a favor do relatório que conclui pela cassação”, finalizou Ricardo.

O presidente ainda informou que tomará algumas medidas de segurança para dar tranquilidade aos vereadores no exercício de suas funções.

Rafaela Patrício - Assessora de Comunicação Câmara Municipal de Guarapari/ES

Data de Publicação: quarta-feira, 13 de novembro de 2019

ACOMPANHE A CÂMARA

Sede:
Av. Getúlio Vargas, n° 299 - Centro - Guarapari/ES
CEP: 29200180


Telefone: (27) 3361-1715
E-mail: ouvidoria@cmg.es.gov.br

Horário das Sessões:
Terças-feiras alternadas às 15h
Todas as quintas-feiras às 15h


Funcionamento:
Segunda a sexta-feira, das 08h00 às 18h00

Anexo:
Rua Emília Trindade da Silva, 149, Itapebussu
Guarapari - ES CEP: 29.210-010


Telefones: (27) 3261-3414



Atendimento ao público:
Segunda a sexta-feira, das 12h às 18h